terça-feira, 27 de abril de 2010

Mostra fotográfica revela contraste entre o antigo e o novo

Por Elaine Mesoli
(DNT/Secom/PMA)

A exposição fotográfica ´Aracaju: o passado e o presente é o futuro´ está na galeria do Centro Administrativo da Prefeitura de Aracaju . A mostra, que permanecerá no local até o próximo mês de maio, começou sendo um dos eventos comemorativos aos 155 anos da capital de Sergipe, mas o grande interesse do público fez com que a exposição se tornasse itinerante.

Fotos: Allan de Carvalho

Expostos no Mirante da 13 de Julho desde o dia 19 de março, os 23 painéis já reuniram mais de 1.500 visitantes. Este número fez com que o prazo de permanência fosse prorrogado por mais 15 dias. Nos corredores do Centro Administrativo não é diferente. Todos param para admirar as imagens que chamam a atenção pela beleza colorida e contrastante da Aracaju antiga e da atual, mostrando o desenvolvimento e o potencial da capital da qualidade de vida.



O curador da galeria do Mirante da 13 de julho, Luiz Adelmo, diz ser “um pecado” guardar uma mostra tão bonita. “Proporcionando a oportunidade de essas pessoas terem uma visão do passado e percepção do presente é possível que haja uma projeção do futuro”, acredita Luiz Adelmo.



Juscelino Santana, autônomo, foi uma das pessoas que visitou a mostra no Centro Administrativo e ficou admirado ao ver a mudança da capital ao longo dos anos. “Essas fotos são excelentes. Aracaju deu um salto muito grande em beleza, em arquitetura, em urbanização e em infra-estrutura. Está de parabéns”, elogia.

Olhar diferenciado

As fotos atuais foram produzidas pelo time de fotojornalistas da Secom: André Moreira, Alejandro Zambrana, Jorge Henrique, Lízia Martins e Sílvio Rocha. Vale ressaltar que o olhar fotográfico dos profissionais não perdeu a sensibilidade artística. Eles conseguem perceber a beleza do cotidiano e de locais históricos de Aracaju isentos da visão fotojornalística utilizada no dia-a-dia de uma Redação.


Os profissionais conseguiram captar os mesmos ângulos das imagens antigas dos acervos cedidos para a exposição pelos historiadores Murillo Melins e Amâncio Cardoso, sem perder o encanto. "A turma da Secom trabalhou ativamente. Essa é uma vitória que merece ser compartilhada com todos”, revela satisfeito o secretário de Comunicação Social, Marcos Cardoso.


O fotógrafo Sílvio Rocha comenta que a vida agitada muitas vezes não deixa as pessoas perceberem a beleza que está ao seu redor e que a mostra é uma oportunidade de revelar à sociedade essa beleza. "Compartilhar essa exposição é de extremo prazer para quem vive a fotografia diária. Eu e meus colegas, que trabalhamos para que esse momento acontecesse, estamos realizados", comemora.


Itinerário


Até o próximo mês de maio os painéis permanecerão no Centro Administrativo. Em seguida, passarão pelos dois shoppings de Aracaju, onde há um público bastante diversificado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário