terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Edvaldo faz 50 anos e recebe os parabéns de Déda

O governador de Sergipe, Marcelo Déda, fez uma visita de cortesia ao prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, na manhã desta terça-feira, 25, para cumprimentá-lo pelo seu aniversário. O prefeito, que faz 50 anos, ganhou uma gravata de presente. O governador brincou: "Agora, nós dois juntos temos 100 anos!" O presente é uma gravata em tom cinza com bolinhas rosas. Depois, Edvaldo recebeu uma homenagem dos secretários, principais assessores e da primeira-dama, Danusa Silva.
Foto: André Moreira

Ao ingressar no rol dos cinqüentões, Edvaldo Nogueira disse que nunca se sentiu tão bem. "Sinto-me jovem, porque procuro ser contemporâneo desse mundo que vivemos. Esse é um ensinamento de minha mãe, jamais deixar de entender o que seus filhos gostam".

Ele se considera um homem realizado, pessoal e profissionalmente: "É uma dádiva chegar aos 50 tendo encontrado o amor da minha vida, Danusa, e formado uma linda família, estando ao lado de amigos e fazendo uma coisa que eu, nos melhores sonhos da minha juventude, jamais poderia alcançar, ser prefeito de Aracaju".

E 2011 promete ser um ano de muita felicidade para o prefeito, que no dia 31 de março comemora cinco anos à frente da administração de Aracaju e, em junho, faz 30 anos de militância no PC do B. Então vice-prefeito, ele assumiu o cargo em 31 de março de 2006, quando Marcelo Déda se afastou para ser candidato a governador, e se reelegeu em 2008, com 52% dos votos.

Trajetória

Edvaldo Nogueira Filho nasceu no dia 25 de janeiro de 1961 em Pão de Açúcar (AL). É filho de uma sergipana de Simão Dias, a auxiliar de enfermagem e parteira Maria de Lourdes Santana Nogueira, que foi transferida para a cidade alagoana ao passar num concurso da Fundação Nacional de Saúde e lá conheceu o esposo, Edvaldo Nogueira.

Ele veio residir em Aracaju aos 14 anos, quando foi estudar no Colégio Salesiano. Iniciou a carreira política e a militância no PC do B após ingressar no curso de Medicina da Universidade Federal de Sergipe (UFS), que cursou até o 5º ano. Na UFS, foi presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) e ajudou a organizar seu partido. Depois foi vereador em dois mandatos e, em 2000, elegeu-se vice-prefeito de Aracaju na chapa encabeçada pelo hoje governador Marcelo Déda.

Edvaldo Nogueira é pai de Maurício Soares e é casado com a empresária Danusa Silva.




Nenhum comentário:

Postar um comentário